domingo, 9 de julho de 2017

Quando senti sua...Ausência

Quando senti sua...
Ausência, foi
Mais ou menos
Assim...
Poemas interrompidos
Com reticência
Pois não soube
O que realmente
Dizer neles
Minha imensa falta
Que sinto por ti
É como se
Eu estivesse tentando
Cantar em frente
Ao piano sentindo
Minhas lágrimas caírem
Dos meus olhos
Perdendo minha força
Nas mãos
Estando sem reagir
Com essa ausência
Que tanto dói
Em meu peito
Desprotegido
Do frio aqui fora