terça-feira, 10 de maio de 2016

O silêncio poético da noite

O silêncio da noite
Frio arrepiante
Momentos criativos
Pensamentos imensos

Respiração profunda
Aventura sem fim
Poesia poética
Minhas palavras poeta

Ilustra a melodia do momento
Criatividade surpreendente
Noite silenciosa apreciada
A pensar profundamente

Agitadas cores o pintam
Um quadro de cores quentes
A flor da pele
Desenhos de uma obra

O que é o anoitecer para o seu ser?
Mil e uma maravilhas
Cores lá fora representando a vida e o amor
O perfume das rosas
Melodias reproduzidas
Brilho solar iluminando nosso redor

Acordastes para sentir o momento dos segundos
Unindo em suas imaginações apenas um momento
Criando clichês poesias que significa belas artes
Surpreende sempre seu ser reproduzindo ao mundo
Desejando observar e desenhar risos aos rostos tristes ao seu redor

Uma história sem você.. Um momento vazio sem fim

Palavras clichês
Dias frios
Tempo parado
Silêncio agoniante
Vazio sem fim

Sou eu assim sem você
Sem viver
Respirar, caminhar
Continuar....

O que poderia continuar?
Ao redor estás sem vida
As rosas sem seu belo perfume
Estrelas sumindo pelas nuvens

Continuar a poesia cantando
Escrevendo com sede de desejos
Sonhos infinitos
Pensamentos a flor da pele

Sua ausência sem sentido
Imaginações capazes de reviver o mundo novamente
Pelos versos criaria uma nova história
Continuando as palavras que deixei de escrever

Cantei melodias revivendo novamente
Caminhando a frente lhe imaginando
Emocionando e pensando
Ao amanhã surpresas irão acontecer
Desejos voltarão a pintar o meu coração
Querendo sua companhia em meus braços