domingo, 31 de janeiro de 2016

Um pensamento poético.... Romântico

Posso chorar até a madrugada se iniciar?
Meu coração bate forte sentindo a dor ao sentir sua ausência
Me perco escrevendo os versos que quero lhe dizer me perdendo aos seu olhar
Imaginando sua emoção, minha emoção
Meus olhos lacrimejam
Minhas lágrimas caem lentamente criando uma cena poética ao seu lado
Respiro fundo para poder lhe beijar até perder o fôlego
Para sentir o prazer em lhe esquentar nesse frio com todo carinho que existe em meu coração
Quero muito mais que essa imaginação
Quero lhe tocar
Beijar seus lábios, abraçar com força
E se corresse até ai para lhe encontrar?
Não viria loucura, mas sim como um sentimento sem fim
Você não está por aqui, mas eu sempre estou em meu jardim
Para sentir o perfume que você possui em seu pescoço que me faz possui desejos em lhe morder
Canto para dizer o quanto amo você
Por mais que esteja longe, eu te amo com toda força do meu coração
Da minha alma
Essas são minhas palavras, mas as escrevo com a emoção sentida em meu ser
A chuva cai, mas eu observo pela janela as gotas caindo lentamente lá fora
Me imagino eu e você nos molhando nela e sorrindo ao estar um ao lado do outro
Deixo me chorar por todas as emoções sentidas e me apagar para sonhar novamente com você ao meu coração
Em meus sonhos grandiosos

Versos simples de uma história

                         Em meio a tempestade estou lá gritando com toda força da minha alma para descrever minha capacidade para vencer esse monstro em meu universo grandioso que vive tensões ao sentir a adrenalina ao sentir o lado morto de meu ser. Ele apenas me faz ter o prazer em fazer de mim um ilusionista ao mundo em que vivemos, mas corto minha realidade de meu pensamento para viajar e superar todo pesadelo sentido ao frio da madrugada.
                         Minha realidade depende das imaginações para viver, meu pensamento cria a poesia que me faz viver o real do mundo que durante muito tempo me perdi ao abismo, mas a canção que escrevi ao caminho que percorri para viver mais e mais emocionado o criei. Muitas vezes me sentia perdido e morto, só que a canção que escrevia para me sentir vivo ao redor do vazio que existia ao meu lado me fez sentir vitorioso ao criá-las e fazer de meu universo a filosofia de um pensamento bizarro e grandioso o suficiente para contar minha história com apenas versos simples