sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Vampiros

Estão por todos os lados
Quanto menos esperamos
Nos abraça sugando
Nossa alegria
E sede de vencer
Com toda energia
A realizar o que
Tanto queremos
Em nossa vida
Impossível escapar
Sentem nossa
Felicidade de longe
Para abocanhar
Nossa alma
Apertando
Nosso coração
Nos fazendo
Decair
De um enorme penhasco
Que possui
Tantas energias negativas
A nos fazer fechar os olhos
Enfraquecendo nosso ser
Afundando em intensas
Melancolias sentidas
Vampiros nos cercam
Para absorver
Toda grandeza
De nossa
Energia positiva possui
Em nosso peito
Nos oferecendo
Tudo aquilo
Que poderia nos fazer
Decair e apreciar a tristeza
Sem fim como se fosse
O doce que tanto amamos degustar
Em algum momento
Que estamos inocentados
Ao deixar de perceber
Que os vampiros
São aqueles que
Nos trás e oferece
Toda carga negativa
A nós como se fosse
O verdadeiro doce
Que tanto ama comer