sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Jamais jamais

Nunca diga nunca
Pelos sonhos 
Que carrega
Em seu peito
Sonhando tanto 
A realizar
Em sua vida
Jamais jamais
Diga não
Para aquilo 
Que tanto 
Lhe faça bem
Jamais jamais
Se negue para si mesmo
Deixando se levar
Pelas decepções do passado
Abra seus olhos para a realidade
Enxergue o que trará vida a ti
É tão puro poder sentir 
Pelo nosso olhar 
Aquilo que nos faz bem
Nos fazendo ilustrar 
A emoção em lágrimas
Poetisas que tanto queremos
Sentir caindo de nossos olhos
Nos fazendo pensar em oceanos
A cada momento da madrugada
Que nos trás milhares
De imaginações
Que no amanhã
Poderá acontecer
Se jamais nos entregar a tristeza
Que nos caminha em direção
A nós para nos cegar
Da realidade em que vivemos 
Jamais jamais
Se entregue a dor
Feche seu coração
Por aquilo
Que lhe fez chorar
Intensamente a fazendo
Sentir se tão inferior
Pois lembre se sempre
O maravilhoso do nosso ser
Estás em nossos corações
A palavras que escrevemos
Demonstrando o que realmente
Somos nessa vida 
Jamais jamais
Se deixe perder por tudo aquilo
Que irá trazer sentimentos negativos
A ti cedo ou tarde
Jamais deixe de acreditar
Acredite que a peça de alguém
Que falta no coração pode ser você
A completando cedo ou tarde
Procure sempre desejar o melhor
Para si e amando ao próximo
Jamais jamais jamais
Se ajoelhe e procure desejar
O fim de sua história
De uma forma tão melancólica
Lembre se que todos os seres
Passam por momentos horríveis na vida
Jamais jamais pense que és algo inútil
Sinta em ti e acredite ao seu redor
Que brilha ao seu favor
O valor imenso que possui
Seu brilhante ser que em algum dia
Irá lhe surpreender cedo ou tarde