domingo, 28 de fevereiro de 2016

Ao nosso encontro da madrugada

Ao começo da madrugada
Quero sentir o frio vento
Encostando ao meu corpo
Para sentir o perfume das rosas
Do meu jardim
Que me faz 
Lembrar de ti intensamente

Sua ausência ao meu lado é imensa
Mas o perfume que sinto ao meu dia a dia
Me faz lembrar de ti e desenhar
Você em meus pensamentos
Me emocionando
Ao imaginar 
Você me fazendo emocionar

Mas os pontos de reticências 
Que deixo ao meu texto
Sem um fim
Quero completar
Quando sentir 
Minhas lágrimas 
Caindo de meus olhos

Porque o começo delas
É a continuação
De me fazer 
Aumentar toda emoção
Ao meu coração
Em pensar nos momentos
Que vamos um dia
Nos encontrar